O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

Expresso do Oriente

Expresso do Oriente

Todos a bordo

Todos a bordo

Restauração e colorização de fotografias.

Restauração e colorização de fotografias.
Caros amigos sem véus e com véus. Com muito gozo divulgo os valiosos préstimos profissionais do meu estimado amigo Reinaldo Elias, que tornou-se um tarimbado especialista em restauração e colorização de fotografias. Pelo criterioso trabalho, que envolve pesquisa e arte os preços cobrados pela restauração e colorização são módicos. Para solicitarem os valiosos préstimos profissionais entrem em contato com o meu querido amigo através do endereço eletrônico: rjelias200@yahoo.com.br Meus outonais olhos estão em água ao lembrar do já distante ano de 1962, quando minha amada e saudosa mãe me levou a uma filial das Casas Pirani, que ficava na Avenida Celso Garcia, para que seu bebezinho nº 6 fosse eternizado nesta fotografia. Embarcamos num trem de subúrbio, um reluzente trem prateado, na Estação de Santo André e desembarcamos na Estação paulistana do Brás. Lembro como se fosse hoje que levei um beliscão da minha genitora, porque eu queria a todo custo embarcar num bonde para chegar as Casas Pirani. Como eram poucas quadras de distância fomos caminhando até o paraíso do consumo. Saudades das Casas Pirani... Ontem, contei ao meu dileto amigo Gilberto Calixto Rios da minha frustração de nunca ter embarcado num bonde paulistano, que para o meu profundo desencanto teve a última linha desativada no ano de 1968, quando estávamos no auge dos nefastos e malditos anos de chumbo. No ano que fui eternizado nesta fotografia fazia sucesso estrondoso na fascinante Arte das Imagens em Movimento a película "Rome Adventure", aqui intitulada "Candelabro Italiano": https://www.youtube.com/watch?v=yLqfxLPga2E que assisti no extinto Cine Carlos Gomes, na condição de vela zeloso das minhas amadas irmãs mais velhas, a Dirce Zaqueu, Jô Oliveira e Maria Inês. Também no ano de 1962 minha diletíssima e saudosa cantora Maysa (1936-1977) deixava sua legião de fãs enternecida com a canção: https://www.youtube.com/watch?v=BeJHOAbkJcg Mãe, sempre te amei, amo e amarei. Saudades... Saudades... Saudades... Caloroso abraço. Saudações emocionadas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo. PS - Apesar dos pesares acho que continuo um petiz sonhador e esperançoso de um novo dia aos moldes da inesquecível personagem Scarlett O' Hara... Max, traga meus sais centuplicado.

Miniconto

Miniconto
Depois que minha neta me eternizou nesta fotografia o telefone tocou. Ao atender a ligação fiquei aterrorizado ao reconhecer a voz de Hades...

Mimo da Monika

Mimo da Monika
O que nos espera na próxima estação?

A viagem continua

A viagem continua
O quie nos espera na próxima estação?

Lambisgoia da Agrado

Lambisgoia da Agrado
Caros confrades/passageiros sem véus e com véus. A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, me surpreendeu porque não a vi trepar (nem preciso dizer que ela adora o outro significado deste verbo principalmente no presente do indicativo) no topo da locomotiva para se exibir e me ofuscar. Caloroso abraço. Saudações exibidas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços e com muita imaginação.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br
Caros confrades passageiros. O pertinaz duende Himineu, que trabalha - com muito afinco para o Todesca - captou e eternizou o momento que a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, estava reflexiva a apreciar a paisagem no vagão restaurante do Expresso do Oriente sob meu comando. Caloroso braço. Saudações reflexivas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r
Todos a bordo... A viagem continua...

Blogs todeschinianos

Blogs todeschinianos
Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br "Sonhei que o vagão joaopauloinquiridor.blogspot.com havia caído de uma ponte que ruíra... Mas, foi só um pesadelo..." Caros confrades/passageiros! Não me canso de divulgar os imperdíveis blogs do Todesca: arqtodesca.blogspot.com.br arqtodescadois.blogspot.com.br que são Oásis num deserto de alienação cibernética. É louvável a pertinácia deste notável, tarimbado e erudito ser vivente, que brinda seus felizardos leitores com ecléticas publicações que deixam patente sua vasta erudição e bem viver. Caloroso abraço. Saudações todeschinianas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Continuo a espera de Godot...

Continuo a espera de Godot...
Saudações dionísicas.

Saudações leitoras.

Saudações leitoras.

Seguidores

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Trilha sonora inesquecível da película: "The good, the bad and the ugly" entre nós "Três homens em conflito"




Caros(as) confrades!
Não sou muito afeito ao gênero faroeste, todavia existem películas como "The good, the bad and de ugly" entre nós "Três homens em conflito" que têm trilha sonora ou banda sonora, como dizem no reino distante além-mar, inesquecível!!!! Esta música fez sucesso estrondoso no já distante ano de 1966, quando eu era um adolescente de 13 anos, que vivia aterrado por conta da guerra fria entre os americanos e soviéticos e sonhava que na primeira década do século XXI já teríamos colônias em outros planetas do Sistema Solar e não perdia nenhum episódio das séries televisivas "Lost in space" entre nós "Perdidos no espaço" e "Bewitch" entre nós "A feiticeira"!!! Que saudades dos personagens Wil, Penny, Dr. Smith, Sr e Sra Robinson, Judy, Don, Samantha, Endora, tia Clara, Sra. Abner e James....
Max!!!!!!!! Traga meus sais centuplicado!!!!

Senhoras(es) passageiras(0s) deste vagão do Expresso do Oriente!
A minha copeira, a Hermenegilda, disse-me que meu amigo, o Prof Ms João Paulo de Oliveira, está precisando dos valiosos préstimos de um(a) assecla do Dr. Sigmund Freud, porque iniciou esta publicação versando sobre a trilha sonora de um faroeste e depois começou a divagar sobre a sua já remotíssima e longínqua adolescência... Pobrezinho do Professor, quando será que ele entenderá que não adianta ficar em estado de melancolia e divagando sobremaneira por conta de um tempo, que nunca, jamais, em tempo algum, voltará?
Será que ele se anima, ou melhor dizendo fica aceso, ao usufruir dos disputadíssimos agrados da Agrado, que são conhecidos até nos confins do deserto de Gobbi?!...
Na quarta-feira vindoura, apesar da incredulidade do Professor, quando for à Cripta da Catedral da Sé, no período vespertino, rogarei a intercessão do poderoso Cacique Tibiriça, antepassado dele, e da Nossa Senhora de Guadalupe, para que ele não se fixe tanto nas reminiscências e viva com vigor a contemporaneidade...
Miquelina Pinto Pacca
Serra da Cantareira
São Paulo-SP

4 comentários:

  1. Estimado Confrade e Ilustre Prof. João Paulo,
    A sua esmeralda sopeira Hermenegilda, deve ter ficado com ciúmes do Clint Eastwood, ao saber que seu ilustre amigo Prof. João Paulo tinha visto essa bela película do faroeste e recordado seus tempos de infância, 13 anitos na altura,tempos esses que se recordam com muita sáudade, mas tal como as águas passadas jamais regressam ao moinho.
    Penso que o nosso Ilustre Prof. não ficará aceso nem deseja usufruir dos disputadissimos agrados do Agrado, que até na China e no deserto de Gobi são conhecidos, e como Gobi significa deserto na língua mongol, o Agrado poderá ter miragens e ver algum oasis onde o alentejano Cambeta estava bem sentado,debaixo de uma palmeira, junto à água tendo por companhia o seu camelo de estimação.

    Quarta-feira vindoura, quando for à Cripta da Catedral da Sé, no período vespertino, rogar a intercessão do poderoso Cacique Tibiriça, e da Nossa Senhora de Guadalupe, para que ele não se fixe tanto nas reminiscências e viva com vigor a contemporaneidade, para que Dona Miquelina Pinto Pacca continue assim viçosa dando prazer a seu valente militar, e para afastar os maus olhados do Agrado.
    Cá por este deserto de Gobi,já com a idade de 22 anos, o alentejano montou uma tela e teve o prazer de rever o belo filme Il buono, il brutto, il cattivo (Três Homens em Conflito (título no Brasil) ou O Bom, o Mau e o Vilão (título em Portugal)) este belo filme italiano de 1966, o mais conhecido western spaghetti e o último da trilogia dos dólares de Sergio Leone, que inclui Per un pugno di dollari (Por um Punhado de Dólares) e Per qualche dollaro in più (Por uns Dólares a Mais). É considerado pela crítica e pelos fãs como um dos melhores westerns de toda a história do cinema.
    Este drama, não escapaou à copeira Hermenelgilda que logo foi contar à Dona Miquelina, onde se encontrava o filão, que não era mais que a popular e saudavel escola onde o Ilustre Prof. João Paulo exerce o seu míster, para descontentamento total do Agrado.
    Nem a Cripa irá conter a raiva do Agrado, que cheio de ciúmes acena para o Oriente.
    Um abraço amigo com votos de óptimas orações sem tentações.

    ResponderExcluir
  2. Estimado confrade e amigo António Cambeta!
    É como sempre digo você é um interlocutor supimpa, que sempre dá continuidade aos enredos e personagens que crio!!!!
    Caloroso abraço! Saudações dionísicas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  3. Meu caro Prof. João Paulo Oliveira,
    Todas as bandas sonoras compostas por Ennio Morricone são sublimes.
    Esta é só uma delas.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  4. Caro confrade Pedro Coimbra!
    Realmente fica difícil escolher a trilha sonora que deixou mais marcas indeléveis na nossa existência!!!
    Caloroso abraço! Saudações morriconeianas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir

Google+ Badge