O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

Expresso do Oriente

Expresso do Oriente

Todos a bordo

Todos a bordo

Restauração e colorização de fotografias.

Restauração e colorização de fotografias.
Caros amigos sem véus e com véus. Com muito gozo divulgo os valiosos préstimos profissionais do meu estimado amigo Reinaldo Elias, que tornou-se um tarimbado especialista em restauração e colorização de fotografias. Pelo criterioso trabalho, que envolve pesquisa e arte os preços cobrados pela restauração e colorização são módicos. Para solicitarem os valiosos préstimos profissionais entrem em contato com o meu querido amigo através do endereço eletrônico: rjelias200@yahoo.com.br Meus outonais olhos estão em água ao lembrar do já distante ano de 1962, quando minha amada e saudosa mãe me levou a uma filial das Casas Pirani, que ficava na Avenida Celso Garcia, para que seu bebezinho nº 6 fosse eternizado nesta fotografia. Embarcamos num trem de subúrbio, um reluzente trem prateado, na Estação de Santo André e desembarcamos na Estação paulistana do Brás. Lembro como se fosse hoje que levei um beliscão da minha genitora, porque eu queria a todo custo embarcar num bonde para chegar as Casas Pirani. Como eram poucas quadras de distância fomos caminhando até o paraíso do consumo. Saudades das Casas Pirani... Ontem, contei ao meu dileto amigo Gilberto Calixto Rios da minha frustração de nunca ter embarcado num bonde paulistano, que para o meu profundo desencanto teve a última linha desativada no ano de 1968, quando estávamos no auge dos nefastos e malditos anos de chumbo. No ano que fui eternizado nesta fotografia fazia sucesso estrondoso na fascinante Arte das Imagens em Movimento a película "Rome Adventure", aqui intitulada "Candelabro Italiano": https://www.youtube.com/watch?v=yLqfxLPga2E que assisti no extinto Cine Carlos Gomes, na condição de vela zeloso das minhas amadas irmãs mais velhas, a Dirce Zaqueu, Jô Oliveira e Maria Inês. Também no ano de 1962 minha diletíssima e saudosa cantora Maysa (1936-1977) deixava sua legião de fãs enternecida com a canção: https://www.youtube.com/watch?v=BeJHOAbkJcg Mãe, sempre te amei, amo e amarei. Saudades... Saudades... Saudades... Caloroso abraço. Saudações emocionadas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo. PS - Apesar dos pesares acho que continuo um petiz sonhador e esperançoso de um novo dia aos moldes da inesquecível personagem Scarlett O' Hara... Max, traga meus sais centuplicado.

Miniconto

Miniconto
Depois que minha neta me eternizou nesta fotografia o telefone tocou. Ao atender a ligação fiquei aterrorizado ao reconhecer a voz de Hades...

Mimo da Monika

Mimo da Monika
O que nos espera na próxima estação?

A viagem continua

A viagem continua
O quie nos espera na próxima estação?

Lambisgoia da Agrado

Lambisgoia da Agrado
Caros confrades/passageiros sem véus e com véus. A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, me surpreendeu porque não a vi trepar (nem preciso dizer que ela adora o outro significado deste verbo principalmente no presente do indicativo) no topo da locomotiva para se exibir e me ofuscar. Caloroso abraço. Saudações exibidas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços e com muita imaginação.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br
Caros confrades passageiros. O pertinaz duende Himineu, que trabalha - com muito afinco para o Todesca - captou e eternizou o momento que a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, estava reflexiva a apreciar a paisagem no vagão restaurante do Expresso do Oriente sob meu comando. Caloroso braço. Saudações reflexivas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r
Todos a bordo... A viagem continua...

Blogs todeschinianos

Blogs todeschinianos
Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br "Sonhei que o vagão joaopauloinquiridor.blogspot.com havia caído de uma ponte que ruíra... Mas, foi só um pesadelo..." Caros confrades/passageiros! Não me canso de divulgar os imperdíveis blogs do Todesca: arqtodesca.blogspot.com.br arqtodescadois.blogspot.com.br que são Oásis num deserto de alienação cibernética. É louvável a pertinácia deste notável, tarimbado e erudito ser vivente, que brinda seus felizardos leitores com ecléticas publicações que deixam patente sua vasta erudição e bem viver. Caloroso abraço. Saudações todeschinianas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Continuo a espera de Godot...

Continuo a espera de Godot...
Saudações dionísicas.

Saudações leitoras.

Saudações leitoras.

Seguidores

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Dragonwyck (1946)

Caros confrades/passageiros!
O Detetive Pardal fez questão de também aparecer nesta fotografia onde estou ao lado da minha amada imortal, a inigualável atriz Gene Tierney, depois que desembarcou do vagão do Expresso do Oriente sob meu comando, para investigar a morte da 1ª esposa do Nicholas Van Ryan, proprietário do Solar dos Dragonwyck... Minha amada imortal está impecável personificando Miranda Wells, a 2ª esposa do Nicholas Van Ryan!
LUZES!!!!!!!!!!!!!! CÂMERAS!!!!!!!!!!!!! AÇÃO!!!!!!!!!!


6 comentários:

  1. Tendo em conta as companhias da "sua amada" é de crer que esta foto seja muito recente !
    É incrível como ela, com os seus cerca de 92 anos se apresenta sempre esplendorosa ! rsrsrs
    ... que grande privilégio ! :)))

    Abraço
    .

    ResponderExcluir
  2. Ficaram ótimos na foto...
    A fada madrinha, Glorinha, tem mesmo mãos mágicas...
    O detetive Pardal ainda ontem terminou um minucioso e interessante trabalho, sobre os templos budistas na Tailândia, e hoje já está em novas diligências para desvendar este crime que envolve mais uma personagem da Gene..
    Haja fôlego e disposição para este detetive do Oriente..






    ResponderExcluir
  3. Estimado amigo Rui da Bica!
    Enquanto eu viver minha amada imortal será lembrada, principalmente quando brilhava intensamente na fascinante Arte das Imagens em Movimento!
    Caloroso abraço! Saudações tierneyanas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  4. Cara amiga Cristina Fonseca!
    Não me canso de agradecer os mimos que nossa amiga, a gloriosa Glorinha, sempre me brinda!
    Caloroso abraço! Saudações gloriosas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  5. Estimado Confrade e Ilustre Prof. João Paulo,


    Em 1844, linda, jovem Miranda Wells, na pessoa de Gene Tierney a sempre amada do Ilustre Prof. João Paulo, vive em uma fazenda perto de Greenwich, Connecticut e muitas vezes escapa a existência mundana através de devaneios de um romântico, tendo uma vida cheia de luxo. Miranda está empolgada quando sua mãe Abigail recebe uma carta de Nicholas Van Ryn, um primo distante, proprietário de extensas terras e uma enorme mansão, Dragonwyck, que são a inveja de seus fazendeiros nessa zona do Rio Hudson. Abigail explica Miranda que Nicholas é descendente dos holandeses, mas apesar de sua riqueza, ela está desconfiada de seu pedido para que uma de suas filhas servir como governanta de sua filha Katrine de oito anos de idade.
    O religioso Efraim pai de Miranda, é contra a idéia, até Miranda mostra-lhe uma passagem da Bíblia que o convence. Em um baile organizado pelo Nicholas, um pouco da alta sociedade convidados arrebitado Miranda devido a sua origem humilde. Logo depois, Jeff vem a Dragonwyck para pedir ajuda na defesa Klass, que foi falsamente acusado de assassinato. Nicholas é desinteressado no início, mas depois promete ajudar e pede Jeff examinar Johanna, que tem uma cabeça fria. Johanna morre de repente, para grande espanto de Jeff. Nicholas encontra Miranda e diz-lhe que ele nunca foi feliz com Johanna, que não podia dar-lhe um filho. Miranda não pode mais lutar contra seus sentimentos e que o casal quer admitir seu amor, apesar de Miranda retorna para Connecticut no dia seguinte. Na fazenda, Efraim está irritado com o comportamento distante de Miranda, mas sua reserva é explicado, dois meses depois, quando Nicholas chega para pedir sua mão em casamento. Efraim e Abigail relutante consentimento, e alguns meses mais tarde, Nicholas é em viagem de negócios quando Miranda descobre que ela está grávida. Nicholas alegria é temperada por novas leis que permitem aos rendeiros comprar suas terras, mas, apesar da ameaça aos seus direitos históricos, ele antecipa passando Dragonwyck para o bebê, que ele está certo de que será um filho. Nicholas pede ao Dr. Jeff para assistir Miranda quando ela der à luz, e, apesar de Jeff ter o prazer de ver Miranda, a quem ainda ama, ele deve dizer a ela que seu filho recém-nascido tem problemas cardiacos . Miranda tem o bebê batizado antes de morrer, mas Nicholas está enfurecido e inconsolável com a morte de seu filho. Com o passar dos meses, Nicholas cresce mais distante e amargurado, e informa Miranda que ele se tornou um viciado em drogas. Temendo pela vida de seu amante ", Peggy implora por ajuda e Jeff revela que Nicholas trouxe a planta espirradeira para o quarto de Miranda. Jeff corre para Dragonwyck e não acusa Nicolau de envenenamento Johanna com oleander e tentando fazer o mesmo com Miranda. Muito para horror de Miranda, Nicolau admite seu crime e começa a lutar com Jeff. Nicholas é nocauteado durante a luta, mas após a licença de Jeff e Miranda, os cambaleia addled Nicholas para os fundamentos kermess, e pede aos agricultores para trazer os seus tributos. Como ondas de Nicholas sua pistola, os agricultores reunir com Jeff, Miranda, o prefeito e xerife, e Nicholas é baleado quando ele toma visam Jeff. O Doff agricultores seus bonés como Nicholas morre, e mais tarde, Miranda se prepara para voltar para Greenwich, que agora ela percebe que é o seu verdadeiro lar. Jeff manda sua despedida e promete visitá-la na semana seguinte.

    Este belo drama foi do agrado do Inspector Pardal que adorou ver a sempre bela e imortal Gene ao lado do Ilustre Prof. e que a Dona Gloria colocou o inspector Pardal no mesmo quadro, o que não deverá ter agradado muioto ao Ilustre Prof. mas o Pardal por ali ficou pouco tempo, visto que após ter empreendido com o xerife da região as devidas investigações, regessou à Ásia onde outro e dificil mistério terá que desvendar.
    Abraço amigo


    ResponderExcluir
  6. Caro amigo António Cambeta!
    Sabia que podia contar com os valiosos préstimos investigativos do Detetive Pardal!
    Caloroso abraço! Saudações esclarecedoras!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir

Google+ Badge