O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

Expresso do Oriente

Expresso do Oriente

Todos a bordo

Todos a bordo

Restauração e colorização de fotografias.

Restauração e colorização de fotografias.
Caros amigos sem véus e com véus. Com muito gozo divulgo os valiosos préstimos profissionais do meu estimado amigo Reinaldo Elias, que tornou-se um tarimbado especialista em restauração e colorização de fotografias. Pelo criterioso trabalho, que envolve pesquisa e arte os preços cobrados pela restauração e colorização são módicos. Para solicitarem os valiosos préstimos profissionais entrem em contato com o meu querido amigo através do endereço eletrônico: rjelias200@yahoo.com.br Meus outonais olhos estão em água ao lembrar do já distante ano de 1962, quando minha amada e saudosa mãe me levou a uma filial das Casas Pirani, que ficava na Avenida Celso Garcia, para que seu bebezinho nº 6 fosse eternizado nesta fotografia. Embarcamos num trem de subúrbio, um reluzente trem prateado, na Estação de Santo André e desembarcamos na Estação paulistana do Brás. Lembro como se fosse hoje que levei um beliscão da minha genitora, porque eu queria a todo custo embarcar num bonde para chegar as Casas Pirani. Como eram poucas quadras de distância fomos caminhando até o paraíso do consumo. Saudades das Casas Pirani... Ontem, contei ao meu dileto amigo Gilberto Calixto Rios da minha frustração de nunca ter embarcado num bonde paulistano, que para o meu profundo desencanto teve a última linha desativada no ano de 1968, quando estávamos no auge dos nefastos e malditos anos de chumbo. No ano que fui eternizado nesta fotografia fazia sucesso estrondoso na fascinante Arte das Imagens em Movimento a película "Rome Adventure", aqui intitulada "Candelabro Italiano": https://www.youtube.com/watch?v=yLqfxLPga2E que assisti no extinto Cine Carlos Gomes, na condição de vela zeloso das minhas amadas irmãs mais velhas, a Dirce Zaqueu, Jô Oliveira e Maria Inês. Também no ano de 1962 minha diletíssima e saudosa cantora Maysa (1936-1977) deixava sua legião de fãs enternecida com a canção: https://www.youtube.com/watch?v=BeJHOAbkJcg Mãe, sempre te amei, amo e amarei. Saudades... Saudades... Saudades... Caloroso abraço. Saudações emocionadas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo. PS - Apesar dos pesares acho que continuo um petiz sonhador e esperançoso de um novo dia aos moldes da inesquecível personagem Scarlett O' Hara... Max, traga meus sais centuplicado.

Miniconto

Miniconto
Depois que minha neta me eternizou nesta fotografia o telefone tocou. Ao atender a ligação fiquei aterrorizado ao reconhecer a voz de Hades...

Mimo da Monika

Mimo da Monika
O que nos espera na próxima estação?

A viagem continua

A viagem continua
O quie nos espera na próxima estação?

Lambisgoia da Agrado

Lambisgoia da Agrado
Caros confrades/passageiros sem véus e com véus. A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, me surpreendeu porque não a vi trepar (nem preciso dizer que ela adora o outro significado deste verbo principalmente no presente do indicativo) no topo da locomotiva para se exibir e me ofuscar. Caloroso abraço. Saudações exibidas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços e com muita imaginação.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br
Caros confrades passageiros. O pertinaz duende Himineu, que trabalha - com muito afinco para o Todesca - captou e eternizou o momento que a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, estava reflexiva a apreciar a paisagem no vagão restaurante do Expresso do Oriente sob meu comando. Caloroso braço. Saudações reflexivas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r
Todos a bordo... A viagem continua...

Blogs todeschinianos

Blogs todeschinianos
Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br "Sonhei que o vagão joaopauloinquiridor.blogspot.com havia caído de uma ponte que ruíra... Mas, foi só um pesadelo..." Caros confrades/passageiros! Não me canso de divulgar os imperdíveis blogs do Todesca: arqtodesca.blogspot.com.br arqtodescadois.blogspot.com.br que são Oásis num deserto de alienação cibernética. É louvável a pertinácia deste notável, tarimbado e erudito ser vivente, que brinda seus felizardos leitores com ecléticas publicações que deixam patente sua vasta erudição e bem viver. Caloroso abraço. Saudações todeschinianas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Continuo a espera de Godot...

Continuo a espera de Godot...
Saudações dionísicas.

Saudações leitoras.

Saudações leitoras.

Seguidores

domingo, 13 de novembro de 2011

Revista Scientific American Brasil


Caros(as) confrades!
Também sou assinante da imperdível Revista Scientific American Brasil!!! Todos os meses tenho a prerrogativa de adentrar no fascinante mundo da ciência e me deparar com artigos da lavra de incansáveis cientistas e pesquisadores, que tem como escopo desvelar sempre os insondáveis mistérios do Universo e a única certeza absoluta que têm é que nada sabem!!!!
Por que há existência quando poderia não haver nada?!..
Os multiversos existem?!...
Como seria a vida na Terra na contemporaneidade:
- se os dinossauros não tivessem desaparecido de supetão?!...
- se a Lua não tivesse surgido devido a um cataclismo cósmico?!...
Neste exato momento em que ponto do espaço interestelar está a sonda espacial Voyager 1 e o que observa?!!! Se nenhum fator externo interferir onde estará a Voyager 1 daqui a 10 milhões de anos?!...
Por que a maioria dos seres viventes da espécie Homo Sapiens prefere explicar o inexplicável através dos mitos?!...
O que é o tempo?!...
O que seria da minha insulsa existência sem as reminiscências?!...
Sinto frêmitos inefáveis ao questionar se tivesse sido outro espermatozóide do meu pai a fecundar o óvulo da minha mãe não estaria aqui neste exato momento divagando sobremaneira sobre os insondáveis mistérios do Universo...
Max!!!!!!!!!! Traga meus sais centuplicado!!!!!








8 comentários:

  1. Bom dia, caro colega, João Paulo...

    O cinema sempre me fascinou (tenho um irmão B.de Paiva, porque existiu um B.De Mille). Em menina assistia à peças teatrais, por trás dos bastidores do Theatro José de Alencar. Sendo meu pai primo do Maestro Alberto Nepomuceno, bem cedo conheci música erudita (nacionalizada)produzida na família Oliveira Paiva)...e por aí em diante.
    Por um acaso, tive um "berço esplêndido", nesta Pátria Amada, na Terra da Luz...

    Nesta manhã de domingo, já me dou por satisfeita, com tão bela programação cultural.
    Tenho uma cunhada que foi Bailarina Clássica, formada no Rio de Janeiro. Ela fez parte do Conjunto Coreográfico Brasileiro, na década de 1950. Casando-se com um meu irmão ela veio para Fortaleza,criando, aqui, uma escola de ballet clássico. Quando morei no Rio, frequentava muito o Teatro Municipal, para óperas, ballets...e tais...
    Meu irmão, Teatrólogo, dirigiu grandes atores, no Rio, como Glauce Rocha, Rubens de Falco, Tereza Rachel, Maria Fernanda(filha da Cecília Meirelles).Foi Diretor, há poucos anos, do Teatro Nacional de Brasília, onde hoje mora.

    Na verdade, não sou uma pessoa erudita, tive(tenho) sim, o privilégio de conviver com a riqueza da boa música, bom teatro, boa cultura, enfim...
    Na família materna (Bezerra de Menezes) e na paterna (Oliveira Paiva) temos(tivemos) escritores, jornalistas, historiadores (como Antônio Bezerra) que, naturalmente, nos passam a herança de um rico acervo produzido.
    Pena, eu ainda não possuir "habilidades" para o manejo dessa maquininha tão interessante que é o computador...estou "engatinhando" nesta seara...(será, que daqui do meu Ceará, que um dia foi "Siará",um,provavelmente, dia eu "chego lá"???)
    Não custa, esperar...

    Por hora,saio deste seu formidável Vagão do Expresso do Oriente, onde passei belos momentos!
    Fico grata por tudo que deixou escrito ma minha
    Cadeirinha de Arruar.

    Um grande abraço,
    da amiga, Lúcia

    ResponderExcluir
  2. Cara confrade e parceira de ofício Lúcia Bezerra de Paiva!
    No meu tempo de infante quando minha adorada e saudosa mãe recebia a visita do meu tio avô materno, o distinto Sr. Ecelêncio Monteiro (1911-1990), que morava na Rua Manoel Dutra nº 111, no bairro paulistano da Bela Vista, ela sempre ficava encantada!!!!! Era um dia muito especial!!!!
    A mesma sensação tenho ao saber que novamente você embarcou no meu vagão do Expresso do Oriente!!!!
    Seu ilustre embarque me instiga a continuar a viagem!!!! Volte sempre!!!
    Caloroso abraço! Saudações esperançosas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  3. Profamigo

    Os mistérios insondáveis do Universo vão sendo cada vez menos. Ou seja, o Mundo está deixar de ter graça - se é que alguma vez a teve.

    (Um aparte: ficas muito bem à janela; o único óbice é que ela não é de comboio...)

    Deixo-te uma pergunta: será que os dinossauros morreram - de medo? Aguardo resposta.

    E muito obrigado pela ida ao Sorumbático; és bué da fixe!...

    Abç

    ResponderExcluir
  4. Estimado Confrade e Ilustre Prof. João Paulo,
    Como posso verificar o meu estimado comfrade para além de ser um ilustre prof. adora estar a par do tudo o que se passa em seu redor, de suas maravilhosas cidades e deste mundo mal tratado bem como do universo a que fazemos parte.
    A ciência nesse campo não tem fim são milhares de ano luz para se descobrir.
    A foto nessa janela ficou óptima, que mirava na altura?
    Abraço amigo

    ResponderExcluir
  5. Depois de ver todo o post tenho que brincar, caro Prof. João Paulo de Oliveira.
    Diz o João Moreira de Sá, no seu imperdível espaço Arcepisbo de Cantuária, que, só depois de ver os tipos a fazerem espargata no ballet é que compreendeu o sentido do bailado "O Quebra Nozes" :)))
    Boa semana!!

    ResponderExcluir
  6. Caro confrade e amigo Henrique Antunes Ferreira!
    Quem agradece sou eu por ter a prerrogativa de aprender cada vez mais por conta da sua maravilhosa verve, que nos brinda com textos supimpas!!!
    Se realmente os dinossauros desapareceram de supetão por causa do gigantesco meteorito que se chocou com a Terra não houve tempo para qualquer reação.
    Assim que possível tirarei uma fotografia da janela de um comboio!!!! Grato pelo elogio!!!
    Caloroso abraço! Saudações científicas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  7. Estimado confrade e amigo António Cambeta!
    Grato pelos elogios!!!
    A fotografia que apareço em pose reflexiva na janela foi tirada na cidade de Santana de Parnaíba-SP - uma das 39 cidades que compõem a Região Metropolitana de São Paulo - mais precisamente num museu dedicado aos Bandeirantes!!! Esta cidade fica bem próxima de Pirapora do Bom Jesus-SP, onde desde o início do século XX minha família tem o costume de ir até lá para venerar o Bom Jesus e pedir sua proteção...
    Caloroso abraço! Saudações explicativas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  8. Caro confrade Pedro Coimbra!
    Que bom saber que esta publicação o deixou propenso a fazer folguedos!!!
    Caloroso abraço! Saudações terpsicoreianas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir

Google+ Badge