O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

O Todesca está na janela apreciando a paisagem...

Expresso do Oriente

Expresso do Oriente

Todos a bordo

Todos a bordo

Restauração e colorização de fotografias.

Restauração e colorização de fotografias.
Caros amigos sem véus e com véus. Com muito gozo divulgo os valiosos préstimos profissionais do meu estimado amigo Reinaldo Elias, que tornou-se um tarimbado especialista em restauração e colorização de fotografias. Pelo criterioso trabalho, que envolve pesquisa e arte os preços cobrados pela restauração e colorização são módicos. Para solicitarem os valiosos préstimos profissionais entrem em contato com o meu querido amigo através do endereço eletrônico: rjelias200@yahoo.com.br Meus outonais olhos estão em água ao lembrar do já distante ano de 1962, quando minha amada e saudosa mãe me levou a uma filial das Casas Pirani, que ficava na Avenida Celso Garcia, para que seu bebezinho nº 6 fosse eternizado nesta fotografia. Embarcamos num trem de subúrbio, um reluzente trem prateado, na Estação de Santo André e desembarcamos na Estação paulistana do Brás. Lembro como se fosse hoje que levei um beliscão da minha genitora, porque eu queria a todo custo embarcar num bonde para chegar as Casas Pirani. Como eram poucas quadras de distância fomos caminhando até o paraíso do consumo. Saudades das Casas Pirani... Ontem, contei ao meu dileto amigo Gilberto Calixto Rios da minha frustração de nunca ter embarcado num bonde paulistano, que para o meu profundo desencanto teve a última linha desativada no ano de 1968, quando estávamos no auge dos nefastos e malditos anos de chumbo. No ano que fui eternizado nesta fotografia fazia sucesso estrondoso na fascinante Arte das Imagens em Movimento a película "Rome Adventure", aqui intitulada "Candelabro Italiano": https://www.youtube.com/watch?v=yLqfxLPga2E que assisti no extinto Cine Carlos Gomes, na condição de vela zeloso das minhas amadas irmãs mais velhas, a Dirce Zaqueu, Jô Oliveira e Maria Inês. Também no ano de 1962 minha diletíssima e saudosa cantora Maysa (1936-1977) deixava sua legião de fãs enternecida com a canção: https://www.youtube.com/watch?v=BeJHOAbkJcg Mãe, sempre te amei, amo e amarei. Saudades... Saudades... Saudades... Caloroso abraço. Saudações emocionadas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo. PS - Apesar dos pesares acho que continuo um petiz sonhador e esperançoso de um novo dia aos moldes da inesquecível personagem Scarlett O' Hara... Max, traga meus sais centuplicado.

Miniconto

Miniconto
Depois que minha neta me eternizou nesta fotografia o telefone tocou. Ao atender a ligação fiquei aterrorizado ao reconhecer a voz de Hades...

Mimo da Monika

Mimo da Monika
O que nos espera na próxima estação?

A viagem continua

A viagem continua
O quie nos espera na próxima estação?

Lambisgoia da Agrado

Lambisgoia da Agrado
Caros confrades/passageiros sem véus e com véus. A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, me surpreendeu porque não a vi trepar (nem preciso dizer que ela adora o outro significado deste verbo principalmente no presente do indicativo) no topo da locomotiva para se exibir e me ofuscar. Caloroso abraço. Saudações exibidas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços e com muita imaginação.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.br
Caros confrades passageiros. O pertinaz duende Himineu, que trabalha - com muito afinco para o Todesca - captou e eternizou o momento que a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, estava reflexiva a apreciar a paisagem no vagão restaurante do Expresso do Oriente sob meu comando. Caloroso braço. Saudações reflexivas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r

Fonte: arqtodesca.blogspot.com.r
Todos a bordo... A viagem continua...

Blogs todeschinianos

Blogs todeschinianos
Fonte: arqtodescadois.blogspot.com.br "Sonhei que o vagão joaopauloinquiridor.blogspot.com havia caído de uma ponte que ruíra... Mas, foi só um pesadelo..." Caros confrades/passageiros! Não me canso de divulgar os imperdíveis blogs do Todesca: arqtodesca.blogspot.com.br arqtodescadois.blogspot.com.br que são Oásis num deserto de alienação cibernética. É louvável a pertinácia deste notável, tarimbado e erudito ser vivente, que brinda seus felizardos leitores com ecléticas publicações que deixam patente sua vasta erudição e bem viver. Caloroso abraço. Saudações todeschinianas. Até breve... João Paulo de Oliveira Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

Continuo a espera de Godot...

Continuo a espera de Godot...
Saudações dionísicas.

Saudações leitoras.

Saudações leitoras.

Seguidores

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Proclamação da República

Caros(as) confrades!
Considerei de bom alvitre publicar novamente o que escrevi no ano passado neste dia que é Feriado Nacional...







HINO À PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA DO BRASIL

Letra: MEDEIROS E ALBUQUERQUE
Música: LEOPOLDO MIGUEZ

Seja um pálio de luz desdobrado,
Sob a larga amplidão destes céus
Este canto rebel que o passado
Vem remir dos mais torpes labéus!
Seja um hino de glória que fale,
De esperança de um novo porvir!
Com visões de triunfos embale
Quem por ele lutando surgir!

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós
Das lutas, na tempestade
Dá que ouçamos tua voz.

Nós nem cremos que escravos outrora,
Tenha havido em tão nobre país
Hoje o rubro lampejo da aurora,
Acha irmãos, não tiranos hostis.
Somos todos iguais, ao futuro
Saberemos unidos levar,
Nosso augusto estandarte, que puro,
Brilha ovante, da Pátria no altar.

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós
Das lutas, na tempestade
Dá que ouçamos tua voz.

Se é mister que de peitos valentes,
Haja sangue em nosso pendão,
Sangue vivo do herói Tiradentes,
Batizou este audaz pavilhão.
Mensageiros de paz, paz queremos,
É de amor nossa força e poder
Mas da guerra nos transes supremos,
Eis de ver-nos lutar e vencer.

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós
Das lutas, na tempestade
Dá que ouçamos tua voz.

Do Ipiranga é preciso que o brado,
Seja um grito soberbo de fé,
O Brasil já surgiu libertado,
Sobre as púrpuras régias de pé.
Eia pois, brasileiros, avante!
Verdes louros colhamos louçãos,
Seja o nosso país triunfante,
Livre terra de livres irmãos!

Liberdade! Liberdade!
Abre as asas sobre nós
Das lutas, na tempestade
Dá que ouçamos tua voz.

Caros(as) confrades!
O dia em curso é muito significativo para os brasileiros, porque neste dia, no ano de 1889, foi proclamada a República, que derrubou o Império do Brasil e mandou para o exílio o saudoso, erudito e garboso Imperador D. Pedro II... Quem me dera ter vivido sob a égide deste notável monarca, que com sua vasta erudição deixou marcas indeléveis na minha amada Pátria, que ainda tem palmeiras e sabiás!!!!...
TODA HONRA E TODA GLÓRIA PARA O IMPERADOR D. PEDRO II !!!!!!!!!!!!!!!!!!...



8 comentários:

  1. Profamigo

    Neste dia de tamanha importância e significado histórico, não posso deixar de felicitar os Brasileiros, todos, e tu em especial. Bem o mereces, porque esta tua memória que trazes de há um ano para cá é o exemplo vivo de um País que vem ganhando o seu espaço no Mundo. A golpes de coragem, de trabalho e que resultam no espantoso progresso que regista.

    Amo o Brasil, estive aí por várias vezes, tenho (temos a Raquel e eu) Amigas e Amigos de boa cepa e de boa colheita espalhadas (os) por essa terra imensa.

    Ainda agora estive em contacto com bastantes, a propósito dos episódios das favelas. Por trás da vivenda em que o meu irmão Braz morou no Rio era a Rocinha. Nela entrei e... pasmei. Podia lá ser... Infelizmente, podia. E também fui à Alemão e à Vidigal ora tanto em foco.

    Curiosidade de jornalista tem limites; eu tentei ultrapassá-los, mas... tive medo. Não nasci para herói. O caso fatídico do repórter de imagem da TV Bandeirantes, Gelson Domingos da Silva baleado durante um tiroteio entre polícias militares e traficantes na Favela de Antares, em Santa Cruz, zona oeste do Rio de Janeiro deixou-me realmente muito triste. Morreu no cumprimento do dever.

    Escarro na corrupção, seja ela onde for. Por isso, na que vive em Portugal, por isso na que campeia no Brasil, infelizmente por todo o Mundo.

    Mas, há imagens que me ficaram na retina e nas volutas cerebrais. Estive na Serra Pelada, quando começou o garimpo louco do suposto ouro. Ou a trovoada enormíssima a caminho de São Paulo, à volta de um churrasco em Itapecerica da Serra.

    Privei com o Jorge Amado, com a Zélia, com o Carlos Drummond de Andrade, com embaixadores como o Dário Castro Alves, com políticos como o Brizolla. E conheci, finalmente um tal Lula da Silva, para mim uma figura que ficou para a História do Brasil. Há quem não goste dele; eu, gosto.

    Antes de terminar este testamento, quero acentuar que o Atlântico que nos separa também nos une. Cabral e Porto Seguro estão nas páginas das nossas Histórias.

    Mas, o principal dos laços é, positivamente, a NOSSA LÍNGUA PORTUGUESA.

    Já me estendi em demasia - mas penso que, quer a data, quer a tua iniciativa justificam o... comprimento deste testículo (com x). Como aqui dizemos é pior do que a espada do primeiro rei Afonso Henriques: comprida e chata...

    Viva o Brasil

    Abç fraterno

    ResponderExcluir
  2. Ana Célia de Freitas15 novembro, 2011 19:05

    Olá Meu querido, tudo bem?
    Estive sumida, problemas técnicos, já (espero)resolvido.
    Hoje sem dúvida é um dia muito especial, mas que pena, se sairmos a rua e perguntar, quase ninguém saberia dizer:Nosso Brasil é lindo, porém como citou Henrique Antunes poderia ser muito melhor, bastava acabar com a corrupção,mas vejo que a cada dia, os políticos querem mais e mais, não se preocupam com a saúde, a educação,a cultura e o bem estar do povo, e esses só pensam em feriado prolongado para tomar uma cervejinha,ouvir umas (dizem)músicas que chegam a doer meus tímpanos,não se envolvem na política, votam por serem obrigados, por isso defendo o voto facultativo,ao que parece o Brasil vai de mal a pior,leis que só servem para pobres, pois quem tem dinheiro compra tudo, matar pode, menor trabalhar nem pensar, depois assistimos esse monte de jovens mimados se achando no direito de fazer o que bem entendem.
    O que esperar desse País?
    Beijossssssssssssss Menino.

    ResponderExcluir
  3. Estimado confrade e amigo Henrique Antunes Ferreira!
    Folgo saber que tive a deferência de receber seu ilustre embarque neste vagão do Expresso do Oriente e mais ainda que deixou um circunstanciado comentário no livro do comboio, que deixa patente os laços fraternos que nos une!!!! Muitíssimo obrigado pelas felicitações!!!
    São pessoas - como você - que me dão esperanças de dias melhores num mundo harmonioso!!!!
    Caloroso abraço! Saudações vigorosas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  4. Caríssima confrade e amiga Ana Célia de Freitas!
    Que júbilo saber que retornou ao mundo cibernético e mais ainda vê-la embarcar neste vagão do Expresso do Oriente e para o meu deleite deixar comentário no livro do comboio!!!
    Não deixe de passar na Cabine nº 5, porque a lambisgóia da Agrado tem muitas novidades para contar-lhe!!!! Adianto uma delas!!!
    O nosso querido amigo, o jornalista Milton Saldanha, também está no comando de um vagão, que foi atrelado no Expresso do Oriente no dia 5 do mês em curso!!! Adianto mais uma!!!
    A minha amiga, a Dona Miquelina, o Coronel Epaminondas Albuquerque Pinto Pacca estão ensaiando um Teatro de Fantoches, para ser apresentado para os infantes desvalidos da Vila Brasilândia, no final do ano, que serão manipulados por eles e também pela copeira Hermenegilda e o seu noivo, o bombeiro Godofredo!!! A Dona Miquelina disse-me que acha que o fantoche Porcão vai dar muito o que falar devido a fedentina que exala!!!!
    Caloroso abraço! Saudações dionísicas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  5. Um post como sempre muito informativo quer seja em texto quer seja em imagens.
    Cheguei tarde. Espero, porém, que tivesse celebrado esse feriado tão importante. Abraço

    ResponderExcluir
  6. Estimado Confrade e Ilustre Prof. João Paulo,
    Uma vez mais dou os parabéns a todo o povo irmão, pela passagem desta importante data, emq ue conseguiram proclamar a República e serem um povo livre.
    O meu sincero muito obrigado por nos fazer recordar tão belo dia.
    A Si estimado amigo e Confrade João Paulo, os meus sinceros parabéns.
    Ps- parabéns também pelo novo e belo visual de seu vagão Expresso do Oriente.

    ResponderExcluir
  7. Cara confrade Catarina!
    Que bom saber que as publicações que disponibilizo neste vagão do Expresso do Oriente são informativas!!!
    Agradeço os cumprimentos pela passagem do dia da Proclamação da República!!!
    Caloroso abnraço! Saudações republicanas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir
  8. Caro confrade e amigo António Cambeta!
    Agradeço os auspiciosos votos!!
    Que bom saber que apreciou o novo visual deste vagão do Expresso do Oriente!!!
    A fotografia do comboio copiei de uma publicação do imperdível blog do Todesca e nossa querida amiga Cristina Fonseca fez a fotomontagem!!!
    Caloroso abraço! Saudações fonsecaianas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderExcluir

Google+ Badge